Não tinha nada para oferecer

Transcrevo, numa tradução livre, um pequeno trecho da meditação apresentada pelo Cardeal Raniero Cantalamessa ao Santo Padre e membros da Curia Romana, em preparação para o Natal deste ano.

“O que podemos fazer de mais bonito no Natal não é oferecermos alguma coisa a Deus, mas acolher com assombro o dom que Deus Pai faz ao mundo: o seu próprio Filho.
Conta uma lenda que, entre os pastores que foram encontar o Menino Jesus na noite de Natal, havia um pastorzinho muito pobre. Tão pobre que não levava nada para oferecer ‘a mãe. Ficava no canto, envergonhado. Os demais ofereciam seus presentes, mas a mãe, com o Menino nos braços, não tinha como recebe- los.
Quando ela viu o pastorzinho lá no canto, com as mãos vazias, colocou o Menino nos braços dele.
Não ter nada foi a sorte do pastorzinho. Façamos com que seja essa a nossa sorte. Acolhamos Cristo com as mãos vazias, sim, mas com o coração cheio; cheio de enternecida gratidão.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s